Busque em todo o blog do Jornal de fato

Entre em contato conosco: defatojornal@gmail.com / 99209-9899

quarta-feira, 16 de janeiro de 2013



Edição 145 - Dezembro/2012 - 2ª edição
Editorial
Acabou a lua de mel! Agora é trabalho!

A noite de 7 de outubro é um momento de glória para os eleitos, vereadores, prefeito e vice. Passado o primeiro momento de euforia, de surpresa, de intensa comemoração, a partir do dia 8, o eleito passa a viver uma espécie de lua de mel com o eleitor e a cidade. Tudo é alegria, festa, elogios, “parabéns” pra lá, “parabéns” pra cá. E este amor sem problemas, essa doce relação, esse “êxtase eleitoral” dura até o dia da posse, com mais cumprimentos, mais abraços e beijos, mais parabéns.
E no dia 2 de janeiro, os vereadores e, especialmente, o prefeito, descobrem que, agora, é trabalho pra valer. É como se o domingo acabasse e a segunda nos batesse à porta, dura, cheia de “pepinos” para serem resolvidos. O “Agora é Brandão” passou; agora é trabalhar.  O que sobrou, ou deve sobrar, é o lema da campanha: “Honestidade e Transparência”.
Agora é fazer as novas contratações e ter que dizer a centenas de pessoas que não terão seus contratos renovados; agora é atender às súplicas dos aliados, todos – ou melhor, 99% deles – ávidos “por um lugar ao sol”... ou um cargo na Administração, mesmo que seja assim mais inferior, se não puder ser secretário ou secretária municipal. Agora é encontrar a Prefeitura com seus documentos roubados, não encontrar um veículo que custou vários milhares de reais aos cofres públicos e descobri-lo numa oficina, todo batido; agora é descobrir que faltam fiscais na prefeitura para coibirem a parcela da população e dos construtores desconhecedores das leis ou metidos a espertos que invadem área verde, passeios e ruas e metem suas construções onde quer que queiram; agora é entender que a UPA está longe demais da população mais carente, que, diferentemente da classe média ou alta, não possui carros à sua disposição a qualquer hora do dia, da noite e madrugada para irem, doentes, a tão longe. Agora é perceber que o trânsito está cada dia pior, e que é preciso intervenções rápidas e sérias. Agora é conviver com as críticas feitas no facebook, nos jornais, nas ruas, e entender que, fora da lua de mel, os cidadãos têm direito a questionamentos.
Agora é lutar para que as pessoas não morram de câncer enquanto esperam o tratamento que nunca chega; é cuidar dos bueiros, da limpeza da cidade, das estradas do interior diante das chuvas que podem cair a qualquer momento. Agora é colocar na ordem do dia o Programa Minha Casa, Minha Vida porque nossos irmãos mais carentes não aguentam mais viver de bairro em bairro, pagando alugueis tão caros. Agora é fazer licitações sem cartas marcadas, respeitar o Poder Legislativo, investir em agricultura familiar, resolver o absurdo que é ter irmãos, em pleno século XXI, numa cidade que exporta água, tendo que brigar por falta de água em suas torneiras. Agora é ter coragem de realizar concurso público e não usar o sagrado trabalho como moeda de troca política. Agora é mostrar para as mineradoras, para a CEMIG, COPASA, SARITUR e outras quem é que manda.
Agora é trabalhar!   

Reinaldo Fernandes
Editor      

Edição 145 - Dezembro/2012 - 2ª edição
Reunião da Câmara às 20 horas
Novos vereadores fazem a primeira mudança na política de Brumadinho

A reunião do Plenário da Câmara será feita quase às 20 horas - 8 da noite -, será às 19h45min. O acerto foi feito em 3/1, data da primeira reunião interna dos 13 novos vereadores. È nas sessões do Plenário que são feitas as votações de leis, indicações etc.
Vereador Reinaldo Fernandes, autor da proposta
A proposta foi feita no dia da posse, 1/1, pelo vereador Reinaldo Fernandes, do Partido dos Trabalhadores (PT). Naquela noite, diante da população que lotava a Câmara Municipal, Fernandes propôs que os vereadores tivessem coragem de modificar o Regimento Interno da Casa, mudando o horário da reunião de 18 para as 20 horas. O vereador defendeu que o horário de 18h impedia, na prática, que as pessoas exercessem seu direito de participarem das reuniões. Reinaldo explicou que, como não dava tempo de as pessoas, trabalhadores que labutam até tarde, deixarem seu trabalho, ir em casa e chegarem a tempo de assistir à reunião de 18h, o melhor horário seria às 20 horas (o pronunciamento do vereador pode ser assistido consultando o link: http://www.youtube.com/watch?v=TrS-bQsfuQA).
Na reunião interna dos vereadores, em 3/1, a questão foi colocada em discussão, e Reinaldo Fernandes lembrou aos colegas que a população espera uma postura diferente desta Câmara e que era importante dar a essa população uma prova de que estes novos vereadores querem fazer um trabalho melhor, ouvindo os cidadãos. O vereador lembrou também de como a população presente na Câmara no dia da posse aprovou a proposta, numa manifestação de muita euforia.
Na discussão, outro vereador propôs que a reunião acontecesse às 19 e não às 18h. E um terceiro vereador propôs, então, que a reunião ficasse para as 19h30min. Depois do debate, ficou acertado que a reunião acontecerá às 19 horas e 45 minutos: será marcada para as 19h30min, com 15 minutos de “tolerância” para iniciar os trabalhos. As reuniões ordinárias do Plenário acontecem de 15 em 15 dias, nas 2ªs e 4ªs quintas feiras de cada mês. A primeira deste ano deve acontecer no dia 14 de fevereiro (2ª quinta feira do mês), e a seguinte no dia 28 (4ª quinta feira).

Edição 145 - Dezembro/2012 - 2ª edição
Quem é o secretariado de Antônio Brandão

Empossado no dia 1º à noite, no dia seguinte o prefeito Antônio Brandão (PSDB) dirigiu-se à sede da Prefeitura para seu primeiro dia de trabalho. Enquanto isso, os secretários municipais de governo dirigiram-se, cada qual, para sua secretaria. São 12 as Secretarias Municipais da Administração: Secretaria de Governo; Secretaria de Fazenda e Finanças; Secretaria de Administração; Secretaria de Planejamento; Secretaria de Cultura, Turismo e Eventos; Secretaria de Obras e Serviços Urbanos; Secretaria de Educação; Secretaria de Saúde; Secretaria de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável; Secretaria de Agricultura; Secretaria de Esporte, Lazer e Eventos; e Secretaria de Ação Social. Há, ainda, a Procuradoria Jurídica. Algumas secretarias possuem, também, os secretários adjuntos, que trabalham juntos aos titulares.
Conheça quem são os novos secretários municipais. As informações forma enviadas pelo governo municipal.  

Secretaria de Administração – Valéria Dôres Moreira
Valéria Moreira é natural de Brumadinho, têm 49 anos. Formada em Direito. Trabalhou desde 1986, como Servidora Pública Estadual do IPSEMG até dezembro de 2012, como Assistente do Núcleo de Regulação e Auditoria, Chefe do departamento de cadastro, e Auditora Geral.

Secretaria da Agricultura – Andressa Rezende Jardim
Andressa tem 25 anos, solteira, natural de Brumadinho. Formada em Veterinária pela FEAD – Centro de Gestão Empreendedora. Já trabalhou no Hospital Veterinário da FEAD entre 2008 e 2010. Trabalhou também na Clínica Veterinária especializada no tratamento de equínos.

Secretaria de Cultura, Turismo e eventos – Breno de Castro Alves Carone
Breno Carone tem 34 anos, é bacharel em Direito. É vice-prefeito eleito de Brumadinho e presidiu o Circuito Turístico Veredas do Paraopeba por 04 anos. Foi também diretor de Infraestrutura do Ministério do Turismo; diretor da regional de Esporte, Cultura e Lazer de Belo Horizonte e chefiou o gabinete da secretaria de Desenvolvimento Regional e Política Urbana do Estado.

Secretaria da Educação – Neide Alves

Neide Lima natural de Brumadinho. É formada em Pedagogia – Supervisão e Magistério das Disciplinas Pedagógicas, no Instituto de Educação de Minas Gerais. Tem Pós-graduação em Sexualidade Humana pela FUMEC e Pós-graduação também em Gestão e Estratégia em Recursos Humanos pelo UNI-BH. Atuou como professora e coordenadora da Educação fundamental e do curso de magistério, coordenadora de eventos e vice-diretora do Colégio Pio XII entre 1985 e 1999. Trabalhou como coordenadora geral entre 2003 e 2005 no CEMMA. Foi Secretária adjunta de educação e coordenadora de ensino entre 2003 a junho de 2005.

Secretaria de Esportes – Reginaldo Damaso Missias
Reginaldo tem 43 anos. É natural de Brumadinho. Formado em Técnico em Edificações. É o atual Presidente do PRTB de BRUMADINHO, e na área desportiva foi Presidente do Brumadinho Futebol Clube, sendo o primeiro á conquistar os títulos: Campeonato Classista 2007, Campeonato Regional de 2008 e Copa Itatiaia 2008/2009.           Trabalhou no setor privado passando pela Empresa Comercial Super Tintas Ltda. e Central Madeireira Ltda. No setor público trabalhou por 08 anos, na Contabilidade, Tesouraria e Departamento de Arrecadação do município.

Secretaria da Fazenda – Geraldo Luiz Machado de Rezende
Geraldo Luiz é nascido em Brumadinho, formado em matemática e pós-graduado em Estatística. Por 40 anos atuou como regente de classe e diretor de escolas. Passou também em diversas empresas como controlador de sistema contábil e financeiro. Na política foi eleito vereador assumindo o cargo em 1989 a 1992 e participou da elaboração da Lei Orgânica do município e do Regimento interno da Câmara. Geraldo Luiz também já foi secretário Municipal de Administração entre 1993 a 1996 e Secretário de Esportes entre 2005 e 2008.

Secretaria de Governo – Sandra Cristina Brandão
Sandra é natural de Brumadinho. Graduada em Gestão de Recursos Humanos pela UNATEC, atualmente cursa o 6º período de psicologia na PUC-Betim. Trabalhou por 05 anos na EMATER e na Secretaria Municipal de Agricultura por 04 anos, ambos, como assessora administrativa. Entre os anos de 2009 a 2012 atuou setor privado, na CEASA-MG como Assistente administrativa e agora assume a Secretaria de Governo.

Secretaria da Meio Ambiente – Ernane Abdon de Freitas
Ernane é natural de Brumadinho, criado na zona rural em Córrego Ferreira, neto e filho de produtor rural, tem 42 anos, é divorciado, pai de três filhas, formado em contabilidade. Hoje é empresário do setor imobiliário. Atualmente é presidente do PRB de Brumadinho. Ernane foi secretario da fazenda na gestão entre 2009 a 2011 e em seguida a Secretaria de Meio Ambiente até o mês de junho de 2012. Hoje assume novamente a pasta do meio ambiente.

Secretaria de Obras – Denílson Vicente Fontoura
Denílson Fontoura é casado, pai de 04 filhos. Mora em Suzana. Possui ensino fundamental completo técnico em contabilidade. Entre 1993 a 2004 trabalhou na Administração Pública com transporte escolar e de passageiros. Além disso, trabalhou nas empresas Vale, MMX e também prestando serviços terceirizados pela USIMINAS. Por 10 anos foi tesoureiro voluntario da Associação de captação de Água da serra – a ACAS – em Suzana.

Secretaria do Planejamento – José Luiz Bonés de Souza
Jose Bonés é Engenheiro, aposentado e casado com Elizabeth Martin. Trabalhou em várias empresas da iniciativa privada e setor público como EMATER-MG, Tippetts, Abbett, McCarthy, Stratton Consulting Engineers–USA, Concremat Tecnologia – BRASIL, João Fortes Engenharia – BRASIL, Consultor Independente – BRASIL e diversos outros países. Nasceu em Belo Horizonte. Mudou para Brumadinho em 2008, onde reside no Condomínio Águas Claras, no Distrito de Piedade do Paraopeba.

Secretaria da Ação Social – Rogério Luzia Fernandes Maciel
Rogério Maciel é natural de Brumadinho. Filho de Osvaldo Maciel da Cunha (Sr. Dico do Jota) e Ester Fernandes da Silva.  É solteiro. Possui o Ensino médio. Administrador de empresa. Sócio fundador da Fundação João Fernandes do Carmo e da Pastoral da Escola Bíblica. Atualmente é vice-presidente do PT de Brumadinho.

Secretaria da Saúde - José Paulo Silveira Ataíde
José Paulo nasceu em Brumadinho, no Distrito de Piedade do Paraopeba. Bacharel em Direito pela UFMG, especialista em direito sanitário pela USP. Funcionário concursado pela prefeitura de Belo Horizonte, onde atuou em vários departamentos. Em Brasília, exerceu o cargo de diretor do departamento de técnicas normativas, da Secretaria Nacional de Segurança Sanitária. Foi coordenador por 02 anos, no MERCOSUL, dos assuntos de normatização na área da saúde. Eleito vereador 2002 e presidente da Câmara entre 2003 a 2005. Reeleito para o mandato 2005 a 2008 e se tornou secretário Municipal de Saúde entre abril de 2005 e março de 2008.

O mundo é assim: redondo

Não se chateie tanto com a ingratidão das pessoas. Se você as ajudou, e as ajudou porque acreditava nelas, em suas propostas, em seu trabalho, então já valeu a pena tê-las ajudado. No fundo, você já foi recompensado (a), porque, assim como “o amor que você recebe é o amor que você doa”, a ajuda que você deu lhe será retribuída. Se não por quem a recebeu, será retribuída por outra pessoa. Porque o mundo é assim: redondo, ele gira, volta ao mesmo lugar, une pessoas que estavam separadas, separa quem estava unido, como insinuou a mim outro dia um conhecido. Além do mais, o mundo gira porque o tempo passa, passa rápido, muito rápido, um ano, dois, três, quatro... e assim vai. Quem precisou de você hoje, precisará amanhã também, e você, sem revanchismo, sem vingança, mas sereno, poderá optar por outro caminho.
Enfim, enquadre todas as suas decepções com estas palavras: “Daqui a quatro anos, isto importará?”
É isso!

Edição 145 - Dezembro/2012 - 2ª edição
Vereadores fazem primeira reunião

Na quinta-feira, 3/1, os vereadores fizeram sua primeira reunião interna. A Presidenta Renata Parreiras abriu a reunião entregando uma mensagem escrita aos vereadores, em nome da Mesa Diretora, onde se lia: “Trabalha como se tudo dependesse de ti e confia como se tudo dependesse de Deus. Nosso desejo é de um ano novo repleto de harmonia, sucesso e realizações. E que o nosso trabalho eleve o nome da Câmara Municipal de Brumadinho, contribuindo para que o Poder Legislativo seja cada vez mais democrático, ativo e empenhado para o bem de nossa querida cidade”. Renata Parreiras completou a mensagem escrita dizendo: “Vamos fazer oposição. Mas uma oposição inteligente.”
No dia 3, o quadro de funcionários da Casa, inclusive chefias, ainda não estava completo. O Diretor Geral foi apresentado aos vereadores pela Presidenta Renata Parreiras. Será o advogado João Lucas de Faria Kindlé. João Lucas, 32 anos, casado, foi candidato a vereador, e advogou para Nenen da ASA em processos relativos à campanha eleitoral. Apresentou à Justiça Eleitoral bens no valor de R$ 44.300,00, referentes a dois veículos, um Uno e um Lada Niva e o valor de R$ 120.000,00 (cento e vinte mil reais) como limite de gastos em sua campanha. Disputou eleições pelo PRB, partido de apoio a Nenen da ASA, e conquistou 132 votos, dos quais 81 no local em que mora, o condomínio de mais alta renda do Município, o Retiro das Pedras.
João Lucas atuou também como Controle Interno na administração Nenen da ASA, cargo responsável pela fiscalização interna do Executivo. Em setembro de 2012, João Lucas foi acusado de aprovar processo licitatório de forma irregular. A denúncia foi feita pela campanha de Antônio Brandão ao Tribunal de Contas do Estado de Minas Gerais (ver de fato nº 141, set/2012). O Diretor Geral é o cargo de maior poder na Câmara Municipal. Em outras épocas da vida do Legislativo Municipal de Brumadinho, o cargo chegou mesmo a ser exercido com maior poder do que o próprio presidente da Casa.

Edição 145 - Dezembro/2012 - 2ª edição
Renata Marilian Parreiras e Soares é a Presidenta da Câmara

Logo em seguida à posse dos vereadores – antes da posse de prefeito e vice - foi feita a eleição da Presidência da Câmara. Diante de uma população perplexa, que não entendia o que estava acontecendo, foi eleita a vereadora Renata Marilian Parreiras e Soares (PSB), que obteve 274 votos nas urnas, a 11ª entre os 13 vereadores. Se tivesse tido um voto a menos teria perdido a vaga para o Ex-secretário Adjunto de Obras,  José Eustáquio, que obteve 273 votos (o ex-secretário de Agricultura, Juca Dornas, obteve 270). Os votos de Renata vieram de várias localidades do Município, mais de 50 da área rural, um número muito expressivo para quem disputava a primeira eleição e porque os moradores do interior, geralmente, não votam em quem não é de sua comunidade. Em Melo Franco, Renata obteve 15 votos, número também importante para quem não é da comunidade. Apresentou à Justiça Eleitoral o valor de R$ 260.000,00 (duzentos e sessenta mil reais) como limite de gastos em sua campanha.  Disse também ao Tribunal Eleitoral que seus bens somavam R$ 175.000,00 (cento e setenta e cinco mil reais), referentes a uma casa, dois carros de passeio e um terreno na localidade de Ponte das Almorreimas.
Renata foi eleita pela coligação PTC/PSB, partidos da base de sustentação do ex-prefeito Nenen da ASA, com o apoio de Nenen e de sua família. Em sua campanha eleitoral, pelo menos em parte dela, foi de casa em casa acompanhada por Maria Helena Barcelos, a Lena Barcelos, irmã do prefeito. Ex-membro da diretora do Sind-UTE – Sindicato dos Trabalhadores em Ensino de Minas Gerais, subseção Brumadinho –, Renata tem 42 anos, é professora, é nascida em Rio Manso e casada.

A eleição de Renata Parreiras

O jornal de fato, em sua edição de outubro/2012, apresentou aos leitores dois nomes que eram cotados para ocupar o cargo de Presidente da Câmara, Reinaldo Fernandes, do PT (eleito com 518 votos) e Carlos Mendes, do PDT (418 votos), “ambos da coligação vitoriosa que elegeu Brandão prefeito”. O jornal registrou também que “há sempre um mistério nas eleições no Legislativo Municipal, quase sempre decididas nos últimos minutos; certeza mesmo de quem será o Presidente apenas no dia 1º de janeiro de 2013, por volta das 19 horas” (ver de fato nº 142, ed. de Outubro/2012). E foi exatamente o que aconteceu.      
A primeira a votar foi Alessandra Cristina (PPS), eleita pela coligação de seu partido PPS com o PV, partido de Nenen da ASA. Alessandra votou em Renata. O segundo a votar foi Aurélio do Pio (PDT), seguindo a ordem alfabética dos nomes dos vereadores eleitos. Aurélio foi eleito na base de apoio do prefeito Brandão, em coligação formada pelo PDT/PR/PSD e ainda o PSDB de José Paulo e o PMDB do vice-prefeito Breno Carone. Foi a partir deste voto que se deu início ao burburinho de estranhamento das centenas de pessoas que lotavam a Casa. Olhos arregalados, espantados, as pessoas viram Carlos Mendes – até então candidato – votar em Renata, seguido por Daniel dos Reis, o Daniel Crentinho (PTC), e por seu companheiro (de Carlos) Denilson Fontoura (PTB).  Os votos seguintes foram todos em Renata Parreiras, que totalizou 13.  

Explicação

O vereador Reinaldo Fernandes explicando seu voto
O vereador Reinaldo Fernandes (PT), logo após o resultado da votação para a Mesa Diretora (Presidente, vice-presidente e Secretário) dirigiu-se à tribuna para fazer “declaração de voto”, ou seja, explicar rapidamente porque tinha votado em Renata Parreiras para presidenta da Câmara. “Meu voto em Renata Parreiras se justifica pelo fato de que tínhamos apenas 5 vereadores eleitos pelas coligações que apoiaram Brandão, e, depois, com a vinda de Vanderlei Xodó, apenas 6 votos, e o Brandão, para eleger alguém que se comprometesse a apoiá-lo, se viu obrigado a convidar a Renata que aceitou desde que fosse a candidata a presidente”, explicou o vereador petista. Reinaldo Fernandes disse que esperava que ela honrasse o voto que ele e os colegas lhe deram e esperava que ela trabalhasse para que a Câmara, ao mesmo tempo em que ajudasse o Brandão a cumprir seu projeto de governo - para honrar “a belíssima vitória que Brandão e nós obtivemos em 7 de outubro”-, esperava que a Câmara seja independente.
Ao terminar sua “declaração de voto”, o petista foi muito aplaudido, ao mesmo tempo em que os presentes gritavam seu nome, ao dizer que esperava “que a Câmara, depois de 4 anos de inteira submissão ao Executivo, seja independente, autônoma e não vote contra a população e a favor da corrupção”.
Renata Parreiras é a segunda mulher de Brumadinho a ocupar o cargo de Presidenta do legislativo municipal. A primeira foi Meire de Melo e Silva. 

Edição 145 - Dezembro/2012 - 2ª edição
Brandão e vereadores tomam posse

No dia 1º de janeiro foram empossados o novo prefeito e vice e os 13 novos vereadores de Brumadinho. A cerimônia de posse aconteceu na Câmara Municipal, com início por volta das 19 horas, após a reza de um “Pai Nosso” com o Padre Filipe, e o Hino Nacional executado e cantado pelo artista local, Marcelo Jabah. A cerimônia de posse dos vereadores foi presidida por Leônidas Maciel, conforme determina o Regimento Interno do Legislativo. Feito o juramento pela vereadora mais votada (612 votos), Alessandra Cristina de Oliveira, os vereadores repetiram o compromisso firmado por ela, prometendo “defender a Lei Orgânica do Município, as Constituições da república e do Estado e demais leis”, promover o bem geral do povo brumadinense e exercer o cargo “sob a inspiração do interesse público, da lealdade e da honra”, os novos edis assinaram o Termo de Posse.
Depois da posse dos 13 vereadores e eleição da Mesa Diretora, a posse de Brandão, prefeito, e Breno Carone, vice, foi dada pela nova presidenta do Legislativo Municipal, Renata Marilia Parreiras e Soares (PSB). A cerimônia foi muito concorrida, e houve necessidade de instalar, fora do Plenário, um telão e cadeiras para que os populares pudessem acompanhar a festa da democracia.   

Discursos dos vereadores

Empossados, os vereadores, um a um, foram convidados à tribuna da casa legislativa, para fazerem seu discurso, uns mais longos, outros mais curtos. Herbert “Cuecão” emocionou-se, largou seu papel, improvisou e reclamou da traição dos políticos, sem dizer claramente a quem referia-se.  Hideraldo terminou dizendo de seu verdadeiro líder, Jesus Cristo; Carlos Mendes agradeceu aos familiares; Reinaldo Fernandes lembrou da necessidade de que o prefeito cumpra seu Projeto de Governo e de que a Câmara o ajude, mas sem submissão, mantendo sua autonomia e independência, e cobrou da Presidenta da Casa e de seus colegas vereadores coragem para mudar o horário das reuniões do Plenário. Fernandes lembrou que, às 18 horas – horário em que atualmente acontecem as reuniões -, “é praticamente impossível que o povo, que trabalha e chega tarde em casa”, tenha condições de participar. Pediu aos vereadores a mudança para as 20 H, para que a população pudesse exercer seu direito de participar e fiscalizar os parlamentares, no que foi muito aplaudido pelos populares que lotavam a casa. 

Discurso de Brandão e Breno Carone

O vice-prefeito Breno Carone, 34 anos, fez longo discurso, lembrando sua vida política, sua participação no PMDB e na campanha, sua tradicional família Carone (de BH), agradecendo a participação dos 15 partidos da Coligação “Honestidade e Transparência”. “Este Plano de Governo não é uma falácia, é pra ser cumprido. E tenho certeza de que o Brandão vai cumprir”, disse, exibindo uma cópia do documento. Terminou seu discurso com elogios ao “Papai” – referindo-se a José Paulo, Presidente do PSDB – e àquele a quem chamou de “O Grande Estrategista”, Carlos Augusto Karam, o Guto Karam (PTB).
O Prefeito Antônio Brandão (PSDB), 68 anos, agradeceu aos familiares, falou de seu compromisso com a cidade. “Este projeto (referindo-se ao Projeto de Governo) será meu livro de cabeceira e guia para tomar as decisões de minha administração”, garantiu às centenas de pessoas que o ouviam e o aplaudiram ao final, sob o grito de que “o povo unido jamais será vencido!”, uma referência à derrota do candidato à reeleição.  

Edição 145 - Dezembro/2012 - 2ª edição
Prefeitura Municipal de Brumadinho

Nota de esclarecimento sobre Patrimônio público da Prefeitura de Brumadinho

A prefeitura Municipal de Brumadinho informa que os primeiros levantamentos feitos nos prédios públicos e no mobiliário do município revelam a real situação de depredação e abandono do patrimônio público do município de Brumadinho. Os computadores dos respectivos setores foram encontrados no departamento de informática formatado, (com dados e programas excluídos). O carro oficial da prefeitura de Brumadinho, FIAT Línea LX 1.9, PLACA HLF 3570 foi localizado no final da tarde do dia 02 de janeiro, em uma concessionária de Belo Horizonte com diversas avarias, (conforme imagens em anexo). O veículo deu entrada no dia 07 de novembro de 2012 na agência. 

A prefeitura Municipal de Brumadinho informa ainda, que neste primeiro momento está sendo realizado um levantamento do mobiliário, bens, equipamentos, móveis e imóveis, haja vista, que não existe um arquivo atualizado e completo do patrimônio do município. Grande parte dos bens não têm número de patrimônio. 

Maiores informações na próxima edição.


Edição 145 - Dezembro/2012 - 2ª edição
Campanhas de solidariedade no Natal
Organizadores prestam contas

No momento em que os novos vereadores e prefeito e vice são empossados, vem da sociedade civil um belo exemplo de honestidade e transparência. Organizadores das campanhas de solidariedade no Natal prestam contas de suas arrecadações e seus gastos, num belo exemplo de como cuidar do dinheiro que é do outro e para os outros.
Uma das campanhas, “Natal Feliz para as crianças”, projeto de moradores do bairro do Carmo, foi coordenada pelo sociólogo Guilherme Alberto Rodrigues, e tendo à frente Breno Gonçalves, Antônio Maia e Talles Costa. O projeto demonstrou preocupação com a transparência desde o início. De tempos em tempos, o coordenador publicou na rede social facebook as doações e quem as fazia. O objetivo neste ano era o de arrecadar R$ 6.500,00, o que foi superado, com as doações chegando a R$ 8.725,00. Alberto informou que foram recebidas “64 doações, que vieram de pessoas residentes em 14 diferentes cidades.”
“O esforço da organização e a sensibilidade de todos foram fundamentais para o sucesso dessa etapa tão importante para a Campanha de Natal/2012”, explicou o sociólogo. Com o valor arrecadado, foram comprados cerca de 30 mil balas, cerca de 7 mil pirulitos, 1.200 pipocas, cerca de 1.400 brinquedos, 1.200 cadernos, cerca de 2.000 canetas e cerca de 1.200 lápis e ainda canetas e borracha, produtos que fizeram parte do kit entregue ás crianças. A equipe de Guilherme tinha uma grande preocupação além de dar balas, pipocas e brinquedos: incluir no kit de Natal que ele e sua turma distribuíram algo revolucionário, livros. Foram distribuídos nada menos do que 2.200 livros infantis.
A Corporação Musical de Conceição de Itaguá, formada basicamente por jovens músicos, mais uma vez se dispôs a compor o cortejo da Campanha, que circulou no dia 23 de dezembro.
“Diante de resultados tão expressivos, devemos agradecimentos a todos os envolvidos. O engajamento e as doações espontâneas demonstram como a solidariedade motiva a todos e é capaz de levar alegria e cultura a quem mais precisa. Tenham certeza de que isso faz a diferença!”, assegurou Guilherme.
Segundo Guilherme, “a partir de conversas com os doadores e demais participantes da Campanha, os organizadores decidiram destinar o saldo de R$750,09, resultante da arrecadação em dinheiro, à Campanha de Natal de 2013”.
Alegria de quem recebe; alegria de quem doa.




“Caminhão do Noel 2012”

No interior do Município, o “Caminhão do Noel” circulou nas localidades de Suzana, Barreiro, Carneiros, Bragas, Candeias, Piedade do Paraopeba e Marques. A atividade foi finalizada na Feira do Vale, em Córrego Ferreira. José Bones, um dos organizadores, membro da Associação Comunitária dos Amigos e Moradores do Vale (ACAMV) disse que a atividade “foi um sucesso !!!”. E agradeceu aos amigos, fornecedores e comerciantes” que ajudaram na realização do “Caminhão do Noel” 2012. Segundo Bones, a arrecadação total foi de R$ 3.250,00, que foram gastos em guloseimas (R$ 578,18) e brinquedos (R$ 2.721,72).




Natal Mais Feliz

Publicamos abaixo texto enviado por Marcela Firmino, da campanha de solidariedade “Natal Mais Feliz”, realizada pelo 15º ano em Brumadinho. Este foi mais um dos vários exemplos de solidariedade vistos pelos brumadinenses no último fim de ano. Vamos ao texto.
“Quanto vale um sorriso no rosto de uma criança?
Ao final de mais um ano, do nosso tão querido projeto, é que podemos responder essa pergunta. A primeira impressão que se nota é que o mal não foi disseminado como se acredita; o bem ainda é maior... A nossa corrente do bem vem crescendo tanto a cada ano, com o número de seguidores, com força de vontade, dedicação, empenho, disposição do tempo sempre tão corrido, da credibilidade que nos depositam, de contagiar ao seu próximo nossa real intenção; fazer o bem há 15 anos.
A nossa equipe se dedica vários dias que antecedem o Natal, para que tudo seja perfeito. A contribuição de cada um, seja com suas habilidades ou mesmo esforço físico, é essencial, pois é um trabalho árduo, que necessita de organização, parceria, dedicação, companheirismo e união. E o mais importante é que tudo vale a pena. Por isso os nossos mais sinceros votos de gratidão e agradecimento a todos os colaboradores que participaram diretamente ou indiretamente para esta realização, principalmente aos que nos agraciam com doações, pois os custos são altos e sem elas não nos permitiria cumprir com o nosso objetivo.
Que esse espírito de fé, esperança e otimismo entre na casa de cada um de vocês e suas famílias, e permaneça sempre, e que o bem que foi dedicado hoje a tantas crianças e famílias seja difundido em todos os lugares. A nossa mensagem é levar sorriso às crianças, dar a elas motivos para sonhar, acreditar em um mundo melhor e deixá-las ser crianças e brincar.
A Equipe do Natal mais Feliz deseja a todos um próspero ano novo! Agradecemos todas as doações recebidas, aos clientes Borracharia do Horácio, Bar do Dionísio (São Conrado), Agro Souza.

A gente se vê em 2013...”

A turma do caminhão: Marcela Firmino, meu irmão Magno Firmino, Horácio (meu pai), Branca (minha mãe), Milton Roque, Wilton, Fernando, Lobão, Antônio Xavier, Alan, Geovana, Caroline, Cidinho, Lucia, Bernardo, Luís, Lívia e Tania

Cenas da cidade:

Mega Sena da Virada

População lota a casa Lotérica em busca dos 246 milhões da Mega Sena da Virada; fila chegava ao banco Itaú.

Edição 145 - Dezembro/2012 - 2ª edição

Asno
No Curso de Medicina, o professor se dirige ao aluno e pergunta:
- Quantos rins nós temos?
- Quatro! Responde o aluno.
- Quatro? Replica o professor, arrogante, daqueles que sentem prazer em tripudiar sobre os erros dos alunos.
- Tragam um feixe de capim, pois temos um asno na sala. Ordena o professor a seu auxiliar.
- E para mim um cafezinho! Replicou o aluno ao auxiliar do mestre.
O professor ficou irado e expulsou o aluno da sala. O aluno era Aparício Torelly Aporelly (1895-1971), o 'Barão de Itararé'. Ao sair da sala, o aluno ainda teve a audácia de corrigir o furioso mestre:
- O senhor me perguntou quantos rins 'NÓS TEMOS'. 'NÓS' temos quatro: dois meus e dois seus. 'NÓS' é uma expressão usada para o plural. Tenha um bom apetite e delicie-se com o capim.

Moral da História:
A vida exige muito mais compreensão do que conhecimento.
A roupa faz a diferença?
Sem maiores preocupações com o vestir, o médico conversava descontraído com o enfermeiro e o motorista da ambulância, quando uma senhora elegante chega e de forma ríspida, pergunta:
- Vocês sabem onde está o médico do hospital?
Com tranquilidade o médico respondeu:
- Boa tarde, senhora! Em que posso ser útil?
Ríspida, retorquiu:
- Será que o senhor é surdo? Não ouviu que estou procurando pelo médico?
Mantendo-se calmo, contestou:
- Boa tarde, senhora! O médico sou eu, em que posso ajudá-la ?!?!
- Como?!?! O senhor?!?! Com essa roupa?!?!...
- Ah, Senhora! Desculpe-me! Pensei que a senhora estivesse procurando um médico e não uma vestimenta....
- Oh! Desculpe doutor! Boa tarde! É que... Vestido assim, o senhor nem parece um médico...
- Veja bem as coisas como são...- disse o médico -... as vestes parecem não dizer muitas coisas, pois quando a vi chegando, tão bem vestida, tão elegante, pensei que a senhora fosse sorrir educadamente para todos e depois daria um simpaticíssimo "boa tarde!"; como se vê, as roupas nem sempre dizem muito...

Moral da História:
Um dos mais belos trajes da alma é a educação.

Quanta agressividade!
Quando o nosso cortador de grama quebrou, minha mulher ficava sempre me dando a entender que eu deveria consertá-lo. Mas eu sempre acabava tendo outra coisa para cuidar antes, o caminhão, o carro, a pelada, a cervejinha com os amigos, sempre alguma coisa mais importante para mim. Finalmente ela pensou num jeito esperto de me convencer.
Certo dia, ao chegar em casa, encontrei-a sentada na grama alta, ocupada em podá-la com uma tesourinha de costura. Eu olhei em silêncio por um tempo, me emocionei bastante e depois entrei em casa.
Em alguns minutos eu voltei com uma escova de dente e lhe entreguei.
- Quando você terminar de cortar a grama, eu disse, você pode também varrer a calçada.
Depois disso não me lembro de mais nada. Os médicos dizem que eu voltarei a andar, mas mancarei pelo resto da vida.  

Edição 145 - Dezembro/2012 - 2ª edição
Ministério da Saúde garante R$ 3,3 milhões para serviços de saúde 24h
Recursos beneficiam São Bernardo do Campo e Brumadinho que poderão melhorar na manutenção de suas unidades

O Ministério da Saúde publicou, na quarta-feira (28/12), duas portarias que incorporam um total de R$ 3,3 milhões anuais ao teto financeiro de média e alta complexidade de dois municípios: São Bernardo do Campo (SP) e Brumadinho (MG). Os valores previstos serão destinados ao custeio e manutenção de Unidade de Pronto Atendimento (UPA 24h). As portarias nº 2.677 e 2.684 que definem e asseguram os recursos foram publicadas no Diário Oficial da União (D.O.U).
Para a UPA 24h – Porte I do município de Brumadinho, foi liberado recurso anual de R$ 1,2 milhão. Os recursos irão para o custeio e manutenção da unidade, que tem capacidade de atendimento de até 150 pessoas por dia. O repasse será efetuado pelo Fundo Nacional de Saúde (FNS), de forma regular e automática, diretamente para o Fundo Municipal de Saúde de Brumadinho. O pagamento será retroativo ao mês de julho de 2012.
As UPAS 24h estão inseridas na rede Saúde Toda Hora, que está reorganizando a atenção às urgências e emergências no Sistema Único de Saúde (SUS). A estratégia de atendimento está diretamente relacionada ao trabalho do Serviço Móvel de Urgência (SAMU), que organiza o fluxo de atendimento e encaminha o paciente ao serviço de saúde adequado à situação. Nas Unidades de Pronto Atendimento, os pacientes são avaliados de acordo com uma classificação de risco, podendo ser liberados ou permanecer em observação por até 24 horas ou, se necessário, serem removidos para um hospital de referência.
As unidades são divididas em três tipos, conforme a capacidade de atendimento. As UPAs tipo III apresentam estruturas com até 20 leitos e capacidade para atender até 450 pessoas por dia. As do tipo II, com até 12 leitos, recebem até 300 pessoas diariamente, enquanto a do tipo I, com oito leitos, possui potencial para atender até 150 pacientes por dia. Os valores do financiamento também variam de acordo com o porte da UPA, podendo chegar a R$ 2,6 milhões.

Edição 145 - Dezembro/2012 - 2ª edição
Espaço Alimentação e Saúde
Por Aline Maciel


Exagerou nas festas de final de ano?
Faça uma dieta detox

Para ajudar seu corpo que sofreu com os exageros gastronômicos e bebidas alcoólicas das festas do final de ano nada melhor que uma dieta desintoxicante ou conhecida como detox. O objetivo dessa dieta é repor os nutrientes perdidos e eliminar “toxinas” do organismo, consequentemente você poderá perder peso. Ela deverá ser feita por no mínimo 2 semanas.
Sua principal característica é ser diurética, sendo assim o consumo de água deve dobrar, consuma no mínimo 3 litros por dia. Beba suco natural no mínimo 3 vezes ao dia, não vale tomar o mesmo tipo de suco todos os dias. Os chás também são muito importantes, você deve utilizar 1 xícara de chá verde, branco, vermelho, de hibisco, de hortelã e ou o famoso boldo até 3 vezes ao dia. Não faça litros e litros de chá ou suco para tomar como se fosse água, não faça para durar para o dia seguinte e de preferência não utilize nada para adoça-los. Uma boa dica para você que não gosta de chá é misturá-los aos sucos, por exemplo: um suco de limão com chá verde bem gelado fica ótimo, use a criatividade.
Evite frituras, carnes vermelhas, embutidos, leite integral, condimentos, queijos amarelos, creme de leite, leite condensado, biscoitos recheados, biscoitos amanteigados, doces, sorvete e produtos enlatados. Consuma leite desnatado, ricota, azeite, frutas e cereais integrais. Torne-se vegetariano por alguns dias. Exagere nas saladas cruas e nas frutas.  Utilize também a linhaça, a semente de chia ou óleo de coco, mas em pequena quantidade, em torno de 2 colheres de sopa rasa por dia.
Uma observação importante: se você é hipertenso ou tem insuficiência renal, procure um profissional especializado como um nutricionista ou médico antes de fazer essa ou qualquer dieta.
Caro leitor envie sugestões de temas para o e-mail alinemaciel.nutri@ymail.com, eles poderão virar título da próxima edição.