Busque em todo o blog do Jornal de fato

Entre em contato conosco: defatojornal@gmail.com / 99209-9899

sábado, 19 de julho de 2014

Edição 163 – Junho/2014
Editorial:
A injustiça nossa de cada dia

Talvez você ainda não tenha percebido, caro leitor, mas a política de quotas implementada no Brasil nos últimos anos vai causar uma revolução em nosso País.  Não demora muito, começaremos a conviver com uma realidade bem diferente daquela de agora, ou de 500 anos atrás. A política de cotas vai fazer com que os pobres e os negros, especialmente, comecem a ocupar lugares antes apenas ocupados pelos ricos, de classe média e os brancos.
Assim teremos médicos negros – brasileiros, e não cubanos – nos hospitais, no SUS e, inclusive, nas clínicas particulares, gente que não leu revista Veja a vida toda e que respeitará nosso horário de consulta quando estivermos pagando 100, 200, 400 reais por uma consulta de 15 minutos. E teremos professoras universitárias, gerentes, arquitetos e engenheiros, aviadores, desenhistas, web designers, advogados e juízes de direito – sim! Teremos juízes negros e de origem pobre nos tribunais! Aí, sim, creio que começaremos a ter Justiça neste País. Não que todos os pobres e negros sejam honestos e justos, não! Mas, com certeza, vindo de outra origem senão de onde eles vêm hoje – salvo raríssimas exceções – teremos nos Tribunais pessoas com outra visão, aqueles que durante anos e anos sentiram na própria pele e viram seus pais, avós, amigos, sentido as injustiças dos tribunais.
Porque, sejamos francos, cara leitora, se existe uma coisa que não existe hoje no Brasil é Justiça! Aqui, via de regra, Justiça é a para os pobres e negros, para os mais fracos, para os que estão nas ruas lutando, para os trabalhadores em greve, para os Sem Terra e os Sem Teto, para os que, atrevidamente, se filiam aos partidos de esquerda que se atrevem a mudar a vida no Brasil e a construir outro mundo possível.
Os ricos, os poderosos, a COPASA e CEMIG, os Bancos, as grandes empresas - especialmente as operadoras de telefonia celular -, continuam mandando e desmandando nessa Terra Brasilis sem que a Justiça aja... ou haja, como preferir o leitor. Aí, sim, ela é cega! Ceguinha da silva! Vide a ação contra a COPASA, proposta em 23 de abril de 2013 e parada lá no Fórum sem que a Justiça tome uma decisão, mesmo depois que os vereadores aprovaram Lei Municipal pondo fim à Taxa de Esgoto.
Reinaldo Fernandes
Editor
Mas não adianta! Ninguém, nenhum juiz, nenhum tribunal, impediu Luiza Erundina de defender suas ideias; ou impediu que Mandela, depois de 29 anos, saísse da prisão para mudar a África do Sul e acabasse com o Apartheid; ou impediu José Rainha de liderar ocupação de fazendas improdutivas; ou impediu Lula de tornar-se Presidente; ou calou a voz de José Dirceu ou Genuíno. 
Um dia, caro leitor, pode acreditar, ainda nos orgulharemos daquilo que hoje chamamos de Justiça, Tribunais, Fórum, essas coisas. Um dia, ainda teremos por cá uma instituição que poderemos chamar de “Justiça”. 
Edição 163 – Junho/2014
Vereador Reinaldo do PT mantém trabalho firme na Câmara

O Vereador Reinaldo Fernandes (PT) mantém firme sua rotina de trabalho na Câmara Municipal de Brumadinho. Uma das prioridades do petista em 2013 foi a redução dos valores do IPTU. Outras frentes de luta foram o fim da Taxa de Esgoto e o Programa Minha Casa, Minha Vida. Acompanhe um resumo do trabalho do vereador.

IPTU mais barato

O mandato do Vereador Reinaldo Fernandes (PT) chegou ao final de seu primeiro ano com vitórias importantes para a população de Brumadinho. Uma delas foi o IPTU residencial 28% mais barato em 2014. Com desconto, o valor chegou a quase 40%, resultados de diversas conversas com a Administração, apresentação e discussão de propostas. A partir de agora ficam isentos também os aposentados que recebem até 3 salários mínimos. Emenda de Reinaldo do PT perdoou dívida de mais de 240 famílias; mais de 4.000 foram beneficiadas com parcelamento também proposto pelo vereador. Neste ano, Reinaldo continua empenhado para que o IPTU seja novamente reduzido. 

Fim da Taxa de Esgoto

Uma das principais lutas de Reinaldo na Câmara é pelo fim da Taxa de Esgoto da COPASA. Ação Coletiva Pública contra a COPASA, resultante de iniciativa de Reinaldo suspendeu a Taxa por um mês e pode ainda proibi-la e obrigar a COPASA a devolver o dinheiro de seis anos com juros e correção monetária; também por iniciativa de Reinaldo, a Câmara acabou com a Taxa através de uma lei votada em dezembro. Depois, também por iniciativa de Reinaldo, a Câmara acabou com as isenções de impostos para a COPASA. Agora Reinaldo está cobrando atitudes para que a empresa respeite a lei e acabe com a cobrança. E prepara novas ações contra a empresa que cobra uma Taxa de Lixo ilegal. 

Programa Minha Casa, Minha Vida

Reinaldo tem cobrado constantemente da Prefeitura uma solução para a construção de moradias para a população que necessita. Durante a discussão do Orçamento para 2014, Reinaldo Fernandes (PT) propôs que fossem destinados R$ 3.000.000,00 (três milhões de reais) para o programa.
Nos últimos dias, juntamente com o vereador Hideraldo Santana (PSC), Reinaldo Fernandes (PT) age de forma a ver acontecendo na prática o Programa. Audiência Pública na Câmara depois de Requerimento de autoria de Reinaldo Fernandes (PT) e outros vereadores, reunião com o gerente da Caixa Econômica Federal, busca de informações junto à COPASA, à Prefeitura e até a empresa que fará as construções.
De acordo com as últimas informações da prefeitura, a aprovação do projeto do Programa “deve sair no próximo mês de julho”. A Prefeitura teria atendido “a todas as exigências em relação do projeto” e aguarda apenas a definição da Caixa “para o andamento do processo e efetiva implantação do Programa no município.”.

Transparência & Participação Popular

Duas marcas muito importantes do Mandato Coletivo de Reinaldo Fernandes são a Transparência e a Participação Popular. Reinaldo propôs a mudança do horário das reuniões do Plenário da Câmara de 18 para as 20 H; publica sempre as pautas das reuniões e convida as pessoas para participarem das reuniões, pelas redes sociais. Já enviou mais de 18 mil e-mails para centenas de pessoas todas as vezes que vai acontecer uma reunião na Câmara; publica os Projetos em discussão na Câmara; já realizou o “1º Encontro do Mandato”; criou dois blogs; e sempre divulga seu salário.

Projetos de Lei e emendas

Reinaldo propôs várias leis, a princípio, sendo seu único autor, para, mais tarde, fazendo isso conjuntamente com os colegas vereadores, convidando-os para assinarem juntos e se tornarem, também eles, autores da proposta. Entre eles estão o que instituiu reuniões públicas mensais das secretarias municipais; o que proíbe a cobrança de taxa de esgoto e o que revoga Lei que concedeu isenção de tributos à COPASA; a que premia os melhores cidadãos de Brumadinho; as que garantem permanência no local de trabalho para servidores adoecidos pelo trabalho (todas em conjunto com os outros 12 vereadores). Atualmente há duas propostas para serem discutidas na Câmara que foram apresentadas pelos 13 vereadores depois que Reinaldo convidou-os para serem autores juntos com ele: o Projeto de Lei que acaba com a Taxa de Coleta de Lixo e o que obriga os bancos de Brumadinho a disponibilizarem guarda volumes para a população.
Reinaldo apresentou mais de 130 emendas a projetos, como a que isentou mais 240 famílias de pagamento de IPTU; as que tornaram o site da Prefeitura muito mais transparente, publicando os atos do Executivo; as emendas do Orçamento e LDO.

Conselho de Cultura

Eleito em março deste ano, Reinaldo preside do Conselho Municipal de Cultura de Brumadinho. No Conselho, Reinaldo tem lutado para que a Prefeitura publique o Edital para ajudar os artistas locais, repassando-lhes recursos para que possam trabalhar. Luta também para democratizar o Conselho, fazendo com que fique mais representativo da sociedade e dos artistas locais.

Devolução de quase R$ 6.500,00, R$ 5.400,00, 20 ingressos do Rodeio e ingressos de Inhotim

Reinaldo não aceita “presentes” e recusa receber o que acha que é ilegal, incorreto ou desnecessário. Por isso, recusou o 13º salário, R% 5.400,00, por ele ser ilegal. Reinaldo recusou também ingressos gratuitos para o Rodeio e Inhotim.
Bernardo Paz decidiu presentear os vereadores com 10 ingressos por mês, para os vereadores darem a seus eleitores ou a quem quiserem. Reinaldo não acha correto que vereadores fiquem recebendo presentes. Porque o vereador, muitas vezes, para fazer a coisa certa, tem que votar contra certos interesses e é preciso estar livre para fazer isso. Desde a primeira vez, Reinaldo devolveu os ingressos e sugeriu ao Inhotim que beneficiasse toda a população de Brumadinho permitindo a entrada gratuita em pelo menos um domingo, já que na terça feira é difícil para os trabalhadores terem tempo para ir ao Inhotim. O Inhotim não acatou a sugestão, mas criou a meia-entrada para os brumadinenses.
Além disso, Reinaldo devolução quase R$ 6.500,00 da verba de gabinete aos cofres públicos. É dinheiro disponibilizado aos gabinetes de todos os vereadores para compra de material de escritório.          


Muito trabalho

A prioridade do mandato tem sido a de agir para melhorar a vida de todas as pessoas que vivem aqui ou que vêm visitar a cidade. No entanto, o Mandato procura ajudar a todos que procuram o vereador Reinaldo, embora buscando não confundir o papel do vereador com outros papeis. Em 2013, outra luta foi para reduzir a conta de luz;
Dia após dia, o vereador Reinaldo Fernandes (PT) tem buscado fazer o trabalho da maneira mais dedicada possível.  São mais de 200 ofícios fazendo os mais diversos pedidos em nome da população ou pedindo informações para fiscalizar o Executivo; e 20 requerimentos expedidos; 53 indicações para o prefeito; 5 moções apresentadas ao Plenário; 4 representações ao Ministério público; 3 projetos de decreto legislativo; 13 projetos de lei; participação em dezenas de reuniões com autoridades; secretários e cidadãos de Brumadinho; participação em todas as reuniões conjuntas das comissões da Câmara; mais de 70 atendimentos diretos no gabinete; mais de 18.000 e-mails enviados para os cidadãos; devolução de quase R$ 6.500,00 da verba de gabinete aos cofres públicos; criação de um grupo de vereadores petistas de Minas Gerais para troca de experiências; 21 emendas à LDO de 2014 e 11 ao Orçamento; além de mais de 130 emendas a projetos de leis. O trabalho, talvez, possa ser medido pela quantidade de acessos aos blogs do vereador Reinaldo Fernandes – PT - (vereador-reinaldopt.blogspot.com.br e arquivosreinaldopt.blogspot.com.br): são mais de 11.000 acessos num e mais 1545 visualizações no outro.
Assim, o vereador Reinaldo Fernandes (PT) busca cumprir seus compromissos de campanha.

Mentiras sobre o mandato de Reinaldo

Circulou no último mês na cidade o boato de que o vereador Reinaldo do PT tinha sido condenado pela Justiça e que perderia seu mandato. O boato não é verdadeiro. No dia da eleição, em 2012, a Justiça tentou impedir o vereador Reinaldo de exercer seu direito de fiscalizar as eleições. Como o vereador insistiu em exercer seu direito, garantido por Lei, a Justiça o deteve, sob a acusação de fazer “boca de urna”. Depois, queria que Reinaldo admitisse que desrespeitara a lei, e Reinaldo não concordou. Então abriu processo contra o Vereador.  

Mas o processo tinha erros de tramitação e a Juíza achou melhor “sair do processo”, uma vez que ela estava no dia da eleição e não achava correto fazer o julgamento. Um novo juiz entrou no processo e propôs um acordo para o processo não continuar. Seguindo orientação de sua advogada, que achava melhor que Reinaldo não corresse riscos, ele aceitou fazer o acordo. Assim, o processo não prosseguiu, não existe processo. Não houve nem a defesa de Reinaldo e nem julgamento da Justiça. 
Edição 163 – Junho/2014
Só Rindo
“O Grande problema de citações na internet é que nunca sabemos se o crédito é verdadeiro.”
Machado de Assis

O marido do ano
O cara tinha dois ingressos para a final da Copa do Mundo de 2014, no melhor camarote do Maracanã. Quando ele estava sentado no seu lugar, aguardando o início do jogo, um torcedor nota que o lugar ao lado do homem estava vago. O torcedor pergunta então se o assento está ocupado.
___ Não, não está ocupado, responde o homem.
Assombrado, o torcedor diz:
___ É incrível! Quem, em seu juízo perfeito, tem um lugar como este, para a final da Copa, A Copa das Copas, o evento mais importante do mundo, e não o usa?
O homem fixa o olhar nos olhos do cidadão e responde:
___ Bom, na realidade, o lugar é meu. Eu comprei o ingresso faz muito tempo. Minha esposa viria comigo mas ela faleceu. Este é o primeiro Mundial a que não assistiremos juntos, desde que nos casamos, há vinte anos.
Surpreso, o outro diz:
___ Mas você não encontrou outra pessoa que pudesse vir no lugar de sua esposa? Um amigo, um vizinho, um parente ou outra pessoa chegada?
O homem nega com a cabeça e responde:
___ Não... estão todos no velório...


Edição 163 – Junho/2014
Alunos do projeto Grafitod dão cara nova à escola de Tejuco


O muro da Escola Municipal Maria Solano Menezes Diniz, localizada em Tejuco ganhou novas cores. O  muro da escola foi grafitado pelos alunos do projeto Grafitod da Vale com o auxilio de renomados grafiteiros de Belo Horizonte. A ação foi realizada como encerramento do curso de grafitagem do projeto.
Os 20 participantes estudam na escola e têm entre 12 e 16 anos de idade. O curso teve início no dia 10 de março. História da arte, teoria da cor, composição de imagens, desenho, estilos de grafite, técnica de pintura e criação coletiva de layouts foram alguns dos temas abordados.
Segundo a Assessoria de Comunicação da Vale, o objetivo do projeto é a sensibilização artística e social de crianças e adolescentes por meio do grafite. Por isso, além de temas ligados à arte do grafite, foram promovidas dinâmicas de grupo e discussões sobre juventude e vida em comunidade. Os alunos foram estimulados a utilizar os desenhos como forma de expressão da realidade local, grafitando personagens da vizinhança e situações próprias da área em que vivem.
Os alunos também conheceram a Mina Córrego do Feijão da Vale e o Memorial Minas Gerais Vale, em Belo Horizonte. A entrega dos certificados de conclusão do curso aconteceu na escola, com a presença dos pais.

Para quem quiser conferir o trabalho dos alunos, a Escola Municipal Maria Solano Menezes Diniz está localizada na Rua Francisco Jorge.
Edição 163 – Junho/2014
Corrida da Paz reúne centenas de pessoas


A Corrida da Paz, promovida pelo jornal SUPER Notícias, com apoio da Prefeitura de Brumadinho, reuniu centenas de pessoas num evento empolgante na manhã de domingo, 29 de junho. Corredores, profissionais e não profissionais, de Brumadinho e de várias outras cidades, fizeram um percurso de 5 km, entre subidas e descidas, passando pelos bairros Progresso, Progresso II, Grajaú, Dom Bosco, Zé Henriques, Santa Efigênia e voltando ao espaço Antônio do Carmo Neto, na rua Itaguá, onde teve início a prova.
Em torno de Setecentas pessoas, de acordo com informações da Prefeitura, participaram do evento, entre adultos, crianças a adolescentes até 15 anos. Independente do resultado, o que se viu foi muita alegria das pessoas. Idealizada para integrar, entreter e motivar, a corrida premiou a todos com medalha na linha de chegada. Já o primeiro colocado de cada categoria, por faixa etária, foi premiado com R$ 100 em dinheiro.
Entre os profissionais, cerca de 30 atletas da Casa do Corredor corredores profissionais do Cruzeiro Esporte Clube, além de inúmeros outros patrocinados por Correios. O resultado não deu outro, os “profissa” levaram os primeiros lugares gerais. A premiação foi para os três primeiros colocados dos sexos masculino e feminino. Para o primeiro colocado, R$ 600, para o segundo, R$ 300; e, para o terceiro, R$ 150.

Vencedores

Os vencedores masculinos foram JOAO MARCOS FONSECA, de 35 anos, com16 minutos e 6 segundos; FABIO TEIXEIRA ANDRADE VIEIRA, 26 anos, com 16:37, ambos da equipe do Cruzeiro F. C. e EGNALDO ELIAS CAMPOS, 35 anos, 16:47, da Casa do Corredor, respectivamente 1º, 2º e 3º lugares.
Da categoria feminino, a 1ª colocada foi HELENA PEREIRA ANUNCIAÇAO, 25 anos, também do Cruzeiro, 20:00. O 2º e 3º lugares ficaram com atletas da Casa do Corredor, respectivamente JANAINA SANTANA, 28 anos, com o tempo de 20:54 e ROSELI VIANA ELIAS, 38, com 21:36. 
Na categoria por idade, os profissionais também faturaram tudo. No Masculino de 16 até 24 anos, WESLEY SERGIO DE ANDRADE, 23 anos, com 19:06; no Masculino de 25 até 34 anos, SANDER LUIS DOS SANTOS, 33, com 19:16; de 35 até 44 anos, PAULO CESAR DA SILVA, de 42 anos, com 20:25, todos da Casa do Corredor. No Masculino de 45 até 54 anos, EXPEDITO ALVES, 49 anos, dos Correios, com 20:59 e na categoria Masculino de 55 até 99 anos, JOSÉ AFONSO SILVA, 56, com 23:11, esse do Cruzeiro.
Já no Feminino de 16 até 24 anos, TAIS MACEDO DOS SANTOS, 16 anos, da Casa do Corredor, fez com 24:21; Feminino de 25 até 34 anos, FERNANDA VERÔNICA DE JESUS, 28, 26:07; Feminino de 35 até 44 anos, JORDANE LAZARA DA SILVA, de  38, fez com 26:16; Feminino de 45 até 54 anos, BERENICE DIAS DE MEIRA, de 49 anos, e do Cruzeiro, com 23:17; e Feminino de 55 até 99 anos, ROSILENE DO NASCIMENTO SILVA PEREIRA, 56, da Casa do Corredor, com 33:20.

Vencedores de Brumadinho

Os vencedores de Brumadinho foram KELVYN THEYLOR DE MELO, 18 anos, e tempo de 20:03; EMERSON AUGUSTO ROSA, 34, da Equipe Era Fenix Personal Runner, com 20:26 e LUCIANO ROCHA, 43 anos, com 22:29, respectivamente 1º, 2º e 3º lugares da categoria Masculino.
Na categoria Feminino, 1º, 2º e 3º lugares ficaram com JESSICA AMANDA FERREIRA, 22 anos, tempo de 22:59, MARIA ANGÉLICA ALVES MATOSINHOS, 34 anos, e tempo de 23:38 e ANA CAROLINE LUCAS MARQUES, 17 , da Equipe Leopardos, com 25:49.  
Quem não viu seu resultado pode conferir no link http://www.circuitopelapaz.com.br/#!fotos-circuito-pela-paz---bh---1509/c1oyb.


Edição 163 – Junho/2014
Estado pode construir nova ponte de acesso ao Inhotim
Evento é marcado por campanha eleitoral antecipada

O governador Alberto Pinto Coelho (PP) esteve em Brumadinho na última quarta-feira, 2 de julho, para assinar a autorização para a licitação das obras de construção de nova ponte do município. O evento aconteceu no Estacionamento na entrada do bairro São Conrado.
Para o Prefeito Brandão, a viabilização do projeto representa uma conquista histórica para o município.
De acordo com informação do Governo Estadual, a obra está orçada em R$ 41 milhões, e prevê a construção de uma ponte sobre o Rio Paraopeba, viadutos de acesso ao novo hospital e à Estação Conhecimento, além de um trevo de acesso às localidades no interior do município. A ponte passará sobre o Paraopeba e a estrada de ferro, saindo dentro do Almoxarifado da Prefeitura, na entrada para Inhotim. O novo complexo viário deve desafogar o trânsito no centro da cidade, uma vez que os turistas não terão mais que passar por ali.
A obra beneficia especialmente o Inhotim: quando o acesso ficar pronto, os visitantes nem precisarão mais passar por dentro de Brumadinho, indo direto ao Instituto. O próprio convite enviado pela Prefeitura denuncia isso. Diz o convite: “O Governador do Estado (...), O Secretário de Estado (...) de Obras (...) e o Prefeito convidam para a cerimônia de assinatura da autorização para licitação das obras da Nova Ponte e Viadutos de acesso da MG-040 ao Inhotim.” Como se vê no convite, as obras são “de acesso da MG-040 ao Inhotim”.

Pinheiros desrespeitam lei e fazem campanha eleitoral antes do prazo legal

A propaganda eleitoral só começa a partir de 6 de julho, nos termos da Lei nº 9.504/1997. Apesar da proibição de campanha antecipada, os Pinheiros invadiram Brumadinho, e o evento serviu basicamente de palanque para o deputado federal e candidato a reeleição Toninho Pinheiro (PP) e o candidato a vice pela chapa do PSDB, Dinis Pinheiro. Ainda no palanque o Antônio Pinheiro Neto, o Pinheirinho, prefeito de Ibirité, e ainda presente a candidata a deputada estadual, irmã dos Pinheiros deputados, Ione Pinheiro. A plateia repleta de servidores que exercem cargos de chefias na prefeitura, além de vereadores e populares.  
Para o palanque foram chamados o Prefeito Brandão e a primeira Dama, Juraci Brandão; os prefeitos de cidades vizinhas presentes, três Secretários de Estado; Antônio Grassi e Marcelo Teixeira, de Inhotim; e a presidente da Câmara, Renata Parreiras e o governador. Mas quem usou a palavra, além de Brandão e Alberto Pinto foram apenas os Pinheiros.
Toninho Pinheiro abusou da paciência, falando por mais de 15 minutos. Usou o tempo e a paciência dos brumadinenses para atacar Lula e Dilma, dizer que não cuidam da Saúde dos brasileiros, que eles “não têm coração”, embora não tenha sido aplaudido quando falava mal da Presidenta e do ex-presidente. Toninho Pinheiro é do PP, partido da base de apoio do Governo Dilma Rousseff (PT).    
Outra parte do tempo usou para falar da “competência do Governo de Minas”, elogiar Tancredo e Aécio Neves (do partido de Brandão, PSDB), candidato a Presidente; Anastasia (do partido de Brandão, PSDB), candidato ao Senado e seu próprio irmão, Dinis Pinheiro (ex-PSD; ex-PL, ex-PSDB de Brandão e, agora, PP), candidato a vice-governador (na chapa do PSDB, partido de Brandão). Toninho Pinheiro ainda teve tempo de seus quinze minutos para prometer novamente o asfaltamento da estrada Brumadinho-Bonfim (também, sem receber aplausos), para falar bem de si mesmo e para se referir a Henrique Alves (PMDB), presidente da Câmara dos Deputados, como “o pilantra do Henrique Alves que não colocou para votar”, referindo-se a um projeto na área de Saúde.
Já Dinis Pinheiro, com sua bela voz empostada, falou de paz, Deus, simplicidade, mas não falou do que fez para Brumadinho nos 20 anos dos 5 mandatos. Não se tem notícia de algo significativo em prol do Município.

Governador também faz campanha

O Governador falou bem menos do que Toninho Pinheiro, mas o suficiente para prometer novamente o asfaltamento para Bonfim, quando cometeu a gafe de dizer que ouve falar do asfaltamento “de longa data”, completando: “isso soa como música aos meus ouvidos”. E para fazer campanha para a chapa de Dinis Pinheiro, que agora é de seu partido. Depois de elogiar o deputado, disse-lhe: “Você será o vice-governador”, disse abertamente, sem se preocupar com a proibição legal. 
Como prova de que a obra é mesmo para beneficiar mais a Inhotim, gastou boa parte do tempo elogiando o Instituto e seu proprietário, a quem se referiu como “o visionário Bernardo Paz”.

Quanto à assinatura da autorização para a construção da obra, durou menos de 5 segundos. E parece que ninguém percebeu o ato. 
Edição 163 – Junho/2014
Poucas e Boas

Compreendemos mais um objeto quando o olhamos com tolerância, afeto, compreensão.
Jornalista Miguel do Rosário

Ziraldo denuncia a farsa do mensalão, convertido em “maior escândalo da história”, quando, na verdade, a aprovação da emenda para reeleição de FHC foi o grande crime político da história recente. Por razões simples: foi aprovado em causa própria, não houve consulta ao povo, via plebiscito, e há relatos documentados de compra maciça de votos.
Do mesmo Miguel do Rosário

Grande viajante, Ziraldo afirma que Lula é visto em quase todos os países que visitou como o maior líder mundial depois de Mandela. “Lula é um milagre!” Casos como o de Lula, diz Ziraldo, de genialidade política mesmo sem o domínio de vasta cultura literária, são a mais absoluta exceção. “Acontecem uma vez só numa geração. Ele é um só em 200 milhões!”
Do mesmo Miguel do Rosário

“Não dá mais para ler o Globo, nem a Veja, nem a Folha.  “O Brasil foi o país que mais evoluiu desde o início do século XX!”
Escritor Ziraldo


O mau humor e o clima de terror propagado pela imprensa brasileira – que difundiu as previsões pessimistas para os veículos de comunicação internacionais – e pela oposição ao governo Dilma Rousseff (PT) teve efeito inverso. Pesquisa realizada pelo portal Uol, do grupo Folha, divulgada nesta segunda-feira 30, aponta que boa parte dos jornalistas estrangeiros vê a Copa do Mundo no Brasil como a melhor.
O levantamento foi feito com 117 profissionais de comunicação que estão cobrindo o evento no Brasil. Do total de entrevistados, 38,5% consideram a competição sediada no País como a melhor já vista. Em segundo lugar vem a Copa realizada na Alemanha, em 2006, com 19,7% das respostas, e em terceiro a da África do Sul, em 2010, que recebeu a aprovação de 5,1% dos jornalistas entrevistados.
Site brasil247.com, em 30/6/14

Há cerca de 20 dias, quando a Copa desse ano ainda não havia começado, seria praticamente impossível prever os números que acabam de ser apresentados na mostra, tal a sensação propagada pelos grandes jornais brasileiros de que tudo daria errado. As obras inacabadas, dificuldades nos meios de transporte e até a previsão de uma epidemia de dengue eram destaques nos veículos da imprensa.
Vê-se, porém, que depois da satisfação dos torcedores estrangeiros, que ressaltam com frequência a hospitalidade do povo brasileiro e a satisfação em conhecer o País – como podemos ver agora em reportagens diárias – que os jornalistas estrangeiros também concluíram que tudo não passou de um grande exagero.

Do mesmo brasil247.com, em 30/6/14

"A atual Copa do Mundo está sendo a melhor de todas".
Irlandês Daniel Sheahan, 55 anos, com a experiência em oito mundiais

"Nota-se claramente uma grande vontade de tornar tudo especial. Isso não aconteceu na Copa da Alemanha, porque, apesar de muito educados, os alemães costumam ser frios na relação com turistas".
Do mesmo Daniel Sheahan

Quem cobra caro aqui é a Fifa. Principalmente a cerveja nos estádios. (...) Esses dias têm sido muito agradáveis. A receptividade e a amabilidade dos brasileiros realmente impressiona. Todos muito amigáveis, desde o taxista até os profissionais da área de turismo.
Suíço Denis Rapin, 47 anos

"Está tudo tão bom que já decidimos: voltaremos o quanto antes ao Brasil. Simplesmente estamos amando as pessoas daqui".
Andre Urech, 34 anos

"A atmosfera aqui é muito melhor, e as pessoas muito mais amigáveis."
Ramona Rüegg, companheira de viagem de Andre Urech

"É muito superior tanto dentro como fora de campo. Uma coisa que me chama a atenção é o fato de ela [Copa] estar sendo totalmente diferente do que vinha sendo mostrado pela imprensa. O Brasil é 100% no que se refere a receber turistas. Tudo é perfeito: a hospitalidade, a estrutura. Além disso, há muito amor e alegria no ar.
Carlos Rodríguez, Dirigente do Barcelona de Guayaquil, no Equador

"Eu esperava muito menos. O que mais me surpreendeu foi a troca de cultura entre os países em um clima de competitividade sem brigas. É uma oportunidade única de conhecer o mundo em um só lugar."
Héctor Greco, 33 anos, publicitário colombiano

"O Brasil é muito bonito, assim como as pessoas",
Paul Tamayo, administrador

"Torço principalmente para a Costa do Marfim por causa do [atacante] Drogba, de quem sou fã. Mas o que realmente me motivou a vir foi a boa reputação que o Brasil tem lá do outro lado do mundo, especialmente no que se refere a festas."
Victor Vu, australiano, 28 anos

"Não esperávamos tanta organização. Isso em muito nos surpreendeu. Está melhor do que havíamos sonhado. Não passamos por nenhum tipo de problema, temos sido bem atendidos e a organização das cidades e da Fifa está muito boa (...)".

Hérman Chávez, peruano, 45 anos, que veio para realizar o sonho do filho Jared, de 13 anos.

Edição 163 – Junho/2014
Faltam remédios na Farmácia Especial de Brumadinho

Brumadinho continua arrecadando mais e mais milhões e sendo uma das 40 cidades mais ricas de Minas Gerais. No entanto, isso não tem impedido que a Secretaria Municipal de Saúde de Brumadinho deixe usuários do SUS sem remédios de uso continuado. Como são de uso continuado, ou seja, os doentes precisam desses medicamentos todos os meses, e a Secretaria já sabe disso, não deveriam faltar. Alguns são para doentes em recuperação de processo de tratamento de câncer, pessoas já bastante debilitadas. Outros, como o cloridrato de sertralina é usado por pacientes que fazem tratamento da depressão.  
“Não são somente esses medicamentos que se encontram em falta. A administração fica comprometida com esta administração pífia da Secretaria de Saúde. Há uma questão de pregão, licitação e mais um monte de trâmites burocráticos, até entendo! Porém, diga isso às bactérias, vírus, fungos etc. Quem está doente tem pressa de sarar. No meu caso e do meu pai especificamente, tivemos o vencimento das receitas de medicamento psiquiátrico, o Cloridratp de Sertralina. Ao invés de tratar a metade da população completamente, opta-se por tratar toda a população pela metade. Depois de tanta reclamação, tanta briga, a Secretaria de Saúde me supriu com a METADE do montante receitado pelo médico”, disse pela rede social facebook Flávio Coelho, morador do bairro São Sebastião.
Procurados por vários cidadãos que não conseguiam resolver o problema junto à Secretaria de Saúde, pelo menos dois vereadores, Reinaldo Fernandes (PT) e Alessandra Oliveira (PPS), acionaram o Secretário de Saúde, José Paulo Silveira de Athaíde (PSDB), sugerindo que o SUS fizesse a compra de emergência para resolver o problema, já que a alegação era de burocracia nos processos licitatórios.

“Acionei o Secretário no dia 26 de junho. Infelizmente, até o dia 2 de julho ele não tinha dado retorno algum sobre o problema, talvez por achar que não é uma questão importante”, informou o vereador Reinaldo Fernandes. “Falta de dinheiro não é: a previsão de arrecadação no Orçamento deste ano é de 185 milhões e a Câmara já aprovou mais quase 39 milhões em créditos adicionais, só da última vez, quase R$ 4 milhões para a Secretaria de Saúde”, completou o vereador do PT.
Edição 163 – Junho/2014
Brumadinho tem mais 39 milhões no orçamento

O Município de Brumadinho já conta com um acréscimo de mais quase R$ 39 milhões em seu orçamento de 2014. Esses milhões vêm confirmar o que o jornal de fato já previa (ver de fato nº 158, Ed. de janeiro/2014), que o Orçamento será muito maior do que os 185 milhões previstos anteriormente.
A Câmara de Vereadores aprovou dois novos Projetos de Leis do Executivo solicitando autorização de abertura de créditos no valor de R$ 30.870.000,00 (trinta milhões e oitocentos e setenta mil reais). Somados aos 7 milhões já autorizados neste ano, chega-se a quase R$ 39.000.000,00, e o montante de recursos além dos R$ 185 milhões chegam a quase R$ 224.000.000,00 (duzentos e trinta e quatro milhões).
Os novos R$ 30.870.000,00 são de superávit financeiro, ou seja, dinheiro que sobrou do orçamento do ano passado.  

Dos 30 milhões, Cultura e Turismo levam nenhum

No dia em que as Comissões Permanentes da Câmara Municipal forma discutir o Projeto de Lei nº66, vários secretários municipais estiveram presentes. A Secretaria de Obras, levando a maior fatia, ficava quase R$ 13 milhões; a Educação estava sendo contemplada com mais de R$ 4 milhões; a Secretaria de Administração, com R$ 4 milhões; a Secretaria de Governo levou mais de R$ 1,7 milhão. A Saúde levou R$ 3.780.000,00. À Secretaria de Esportes, Lazer e Eventos couberam R$ 1.742.000,00. A Secretaria de Agricultura também levou uma fatia do bolo de 30 milhões, ficando com R$ 737.000,00, quantia pouco menor do que a Ação Social, que ficou com R$ 870.000,00. Até o Controle Interno “beliscou” do bolo, levando R$ 55.000,00, a menor fatia, equivalente a 0,17%.

A Secretaria de Turismo e Cultura até que tentou ficar com alguma pequena parte do bolo, mas a tentativa foi vã.  A Secretaria de Turismo e Cultura apresentou uma emenda aos vereadores, com pedido de que fossem anuladas algumas dotações para que ela também pudesse ser contemplada com esses 30 milhões de superávit. A Secretaria apresentou um documento bem elaborado, de 12 páginas, aos vereadores, onde explicava a necessidade de ser contemplada com R$ 370.000,00. No entanto, um dos representantes do governo presente à reunião disse que o prefeito e outros secretários já tinham definido anteriormente como seriam gastos os 30 milhões. A Secretaria de Turismo e Cultura disse que não foi convidada para a reunião dos secretários, resignou-se e deixou a Câmara.        
Edição 163 – Junho/2014
Brumadinho ganha jardins de Inhotim
Centro fica mais bonito
 
(foto: reinaldo fernandes)
Depois de décadas e décadas, a Praça da Bandeira, no Centro da cidade, recebe uma intervenção diferentes de todas as que foram feitas anteriormente no local. A área central da cidade está mais bonita. A mudança é consequência de um termo de cooperação assinado entre o Instituto Inhotim e a Prefeitura, por intermédio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável. O termo prevê que o Inhotim a criação de jardins em “ilhas” e canteiros de ruas do Município e que o Instituto manterá seu cuidado, como já está acontecendo.   
As cláusulas do convênio previa que o Instituto Inhotim ficaria responsável pela elaboração e execução do projeto paisagístico dos canteiros, sob a responsabilidade do paisagista Pedro Nehring. A parceria ainda previa que o Instituto fornecerá as mudas de plantas ornamentais para os jardins. A mão-de-obra, o maquinário e os equipamentos para realização das obras são de responsabilidade da Prefeitura.

O município conta com legislação que abre a possibilidade de assinatura de convênios por parte da Prefeitura com o objetivo de revitalizar jardins públicos. Instituído pela Lei Municipal 1.837/2010 e regulamentado pelo Decreto 46/2012, o programa “Adote uma Praça” prevê a parceria entre o Poder Púbico e a iniciativa privada para a implantação, reforma e manutenção de praças públicas.
Avenida do Bananal ganhou palmeiras novas (foto: reinaldo fernandes)
Edição 163 – Junho/2014
Minha Casa, Minha Vida ainda não deslanchou no Município

O Programa Minha Casa, Minha Vida ainda não deslanchou no Município. No dia 12 de junho, os vereadores Hideraldo Santana (PSC) e Reinaldo Fernandes (PT) reuniram-se com o gerente da Caixa Econômica Federal, Marcelo Magno, para tentar obter informações sobre o andamento do programa. Em Audiência Pública realizada na Câmara Municipal em 29 de novembro de 2013 a Prefeitura prometeu que ia construir 288 unidades do Programa. No entanto, passados sete meses, no momento em que os vereadores procuraram a caixa, as informações sobre a construção das moradias eram poucas. Essa foi a razão que levou os vereadores a procurarem a Caixa, que é quem opera o Programa para o Governo Federal.
“Conversamos também com COPASA, a Prefeitura e até a empresa que fará as construções. Havia um impasse quanto à construção das redes de esgoto e pluvial”, explicaram os vereadores.
Na última quarta feira, 18, aconteceu reunião na Prefeitura para tratar do assunto. De acordo com as informações repassadas aos vereadores, na segunda feira, 24 de junho, a empresa protocolaria os projetos na CEF.
Já no dia 26 de junho, a Prefeitura fez uma publicação no DOM – Diário Oficial do Município – de Brumadinho, em que comunicava que a aprovação do projeto do Programa “deve sair no próximo mês de julho”. Ainda de acordo com a Prefeitura, a Administração atendeu “a todas as exigências em relação do projeto” e aguarda apenas a definição da Caixa “para o andamento do processo e efetiva implantação do Programa no município.”

Contrapartida da Prefeitura

Durante muito tempo pensou-se que a Prefeitura era quem doava o terreno para a implantação do Programa Minha Casa, Minha Vida. A confusão com o terreno anterior reforçava essa ideia, que não foi desmentida hora nenhuma. No entanto não é bem assim. Até mesmo o terreno, de 20.000 m², onde serão construídas as 288 unidades de Brumadinho é pago pelo Governo Federal, através da Caixa. A Prefeitura entrou apenas com os estudos topográficos, os projetos das redes pluvial e de esgoto e, agora, com a execução desses últimos serviços, que significam, conforme dados da própria Prefeitura, menos de 1.000m de rede. De terreno mesmo, a prefeitura terá que desapropriar apenas dois lotes.   

 “Esperamos que, a partir de agora, o processo seja mais rápido. A população sem casa, a de baixa renda, espera muito ansiosa essa primeira etapa do programa em Brumadinho. Os aluguéis estão cada vez mais caros, especialmente quando chegam empresas de fora e precisam de casas. Além disso, a casa própria é o maior sonho que uma pessoa tem nesta vida!”, disse Reinaldo Fernandes (PT). 
Edição 163 – Junho/2014
Mobilização da população de Aranha obriga Prefeitura e Saritur a discutir melhorias no transporte público do município


Foi necessária a mobilização dos moradores de Aranha para que a Prefeitura de Brumadinho e a empresa SARITUR sentassem para discutir alguns dos problemas no transporte público de Brumadinho. Mas foi necessário mais do que uma simples mobilização: foi necessário queimar coisa e impedir o trânsito na localidade.
A manifestação aconteceu no dia 4 de junho, logo pela manhã. E a reunião na tarde do mesmo dia. O Procurador Geral do Município, Valter Matosinhos, e a Secretária de Administração, Valéria Moreira, se reuniram com representantes da Comunidade de Aranha e Região e com o Diretor da empresa Turilessa (SARITUR), além das vereadoras Alessandra Oliveira (PPS) e Renata Parreiras (PSB) para discutir melhorias no sistema de transporte público par a comunidade.
Na pauta, dentre outras demandas, a solicitação das comunidades de uma linha direta saindo do Distrito de São José do Paraopeba, passando por Aranha e indo direto para Belo Horizonte, sem passar por Brumadinho. O Diretor da Empresa Turilessa se comprometeu em implantar uma linha ligando São José do Paraopeba, Aranha, via BR-040, conforme solicitado pela comunidade, em caráter experimental, pelo prazo de 90 dias até Belo Horizonte. Segundo ele, isso dependeria de autorização da Secretaria Estadual de Transportes – SETOP.
Quanto à reivindicação de circular no interior, a TURILESSA apresentou proposta propondo, em resumo, reduzir as tarifas da Zona Rural e aumentar as tarifas da Sede. A proposta seria analisada e votada pelo Conselho Municipal de Trânsito.

Ônibus para Belo Horizonte

Continuam também os problemas que envolvem a linha Brumadinho-BH. Um leitor reclama com a redação o fato de os ônibus não fazerem o trajeto completo no Centro de BH quando os motoristas “acham” que vai ter manifestação ou quando são orientados para isso. E, mesmo sem manifestação, retornam na Praça Raul Soares, deixando pessoas esperando no ponto por um ônibus que não passará.

Vale ressaltar que não adianta ligar para a empresa SARITUR. Seria o mesmo que pedir ao lobo para cuidar das ovelhas pra você. O correto é ligar para o DER-MG. Se as pessoas ligam para o lobo, ou melhor, para a SARITUR, a empresa vai arranjar uma desculpa - porque os motoristas fazem via de regra o que o gerente manda, porque são apenas empregados da empresa – e o DER não vai tomar conhecimento da reclamação. Quem fiscaliza – ou deveria fiscalizar a empresa – é o órgão estadual e ele só agirá se várias pessoas ligarem e reclamarem, como o próprio DER disse na última Audiência Pública realizada pela Câmara Municipal para  tratar dessas questões. O telefone do DER é esse ao lado. Telefone: 155 - opção 6
Edição 163 – Junho/2014
COPASA
Taxa de Esgoto pode cair a qualquer momento

A cobrança da Taxa de Esgoto da COPASA pode cair a qualquer momento. A Ação Civil Pública nº 0014518-28/2013.8.13.0090, proposta pelo MP tem novidades. A informação foi dada ao vereador Reinaldo Fernandes (PT) que se reuniu recentemente com o Ministério Público para cobrar medidas contra a COPASA.
Em 2013, uma liminar foi conseguida, a Taxa de Esgoto ficou sem ser cobrada durante um mês mas a COPASA recorreu da Liminar e ganhou no Tribunal. Agora, o MP pediu novamente que a Taxa seja suspensa. A Promotora fez o pedido depois que a Câmara aprovou lei suspendendo a Taxa. A Lei 2.025 foi uma iniciativa do vereador Reinaldo do PT, mas de autoria de todos os vereadores que a aprovaram por unanimidade. A partir da lei, a COPASA deveria parar com a cobrança da Taxa de Esgoto a partir do dia 18 de janeiro. A empresa, no entanto, mais uma vez, desrespeita a população de Brumadinho, descumpre a lei e continua cobrando a taxa ilegal. É com base nessa Lei que a promotora Maria Alice Alvim pediu novamente a suspensão da Taxa.    
A Lei 2.025 prevê que a COPASA será multada em torno de R$ 30.000,00 por autuação, caso continuasse fazendo a cobrança. Mas não se se sabe se a Prefeitura tomou alguma providência a respeito. Há quase dois meses, a Câmara aprovou um Requerimento do vereador petista, solicitando informações mas a Prefeitura não prestou as informações até hoje.
Agora, a juíza deve decidir se vai suspender ou não a Taxa de Esgoto.
“Estou fazendo o que posso para derrubar essa Taxa ilegal. Seria importante que os outros atores políticos também comprassem essa briga e fizessem sua parte", declarou o vereador Reinaldo Fernandes (PT).

Para entender
A Ação foi proposta pelo Ministério Público no dia 23 de abril depois que o vereador Reinaldo Fernandes (PT) preparou uma Representação contra a COPASA e entregou à Promotoria, solicitando ajuizamento do processo. O Vereador petista pediu ao MP que, em sua Ação, fizesse uma série de pedidos à Justiça. A primeira foi a liminar para que a COPASA suspendesse, imediatamente, a cobrança da taxa, e que fixasse multa diária para hipótese de descumprimento. A ação continua tramitando na Justiça e pede, também, a devolução de todo o dinheiro cobrado de cada usuário, devolvendo a cada família o dinheiro desde o primeiro mês de cobrança (em 2008) até hoje, acrescido de juros e correção monetária.

Os vereadores continuam lutando para que a COPASA pare as arbitrariedades. Através da Lei 2051/2014, a Câmara acabou com as isenções de impostos que a COPASA tinha no Município. Apesar de não cumprir nenhuma lei em Brumadinho, a COPASA era isenta de todos os impostos em Brumadinho.   
Edição 163 – Junho/2014
Brumadinho é novamente beneficiado pelo Governo Dilma Rousseff (PT)
O governo da Presidenta Dilma Rousseff (PT) beneficia mais uma vez o município de Brumadinho. Novamente a cidade vai ser contemplada com recursos da segunda fase do PAC 2 (Programa de Aceleração do Crescimento). Desta vez o Município foi contemplado com uma motoniveladora com valor estimado de R$ 459.120,58 (quatrocentos e cinquenta e nove mil, cento e vinte reais e cinquenta e oito centavos). “O objetivo do governo Dilma ao doar a motoniveladora para Brumadinho é beneficiar especialmente a população rural de nosso Município, em torno de 5331 pessoas”, explicou o vereador do PT, que foi convidado pelo Ministro de Estado do Desenvolvimento Agrário, Miguel Rossetto (PT), para a cerimônia de entrega das máquinas. A máquina servirá para manutenção das estradas do interior do município. “Agora nosso Município possui mais um instrumento para que a Prefeitura possa fazer a manutenção de nossas estradas e melhorar a vida de boa parcela de nossa população”, completou Reinaldo do PT.
A entrega foi feita no dia 16/6, em Betim, no Parque de Exposições David Gonçalves Lara. O prefeito de Brumadinho, Antônio Brandão (PSDB), foi representado pelo Secretário de Obras, Denilson Fontoura (PTB).   
Além de Brumadinho, mais 147 cidades mineiras foram beneficiadas com uma motoniveladora ou com um caminhão-caçamba ou com os dois, como as vizinhas Belo Vale, Crucilândia, Itabirito, Jeceaba e Mateus Leme.    

O que é uma Motoniveladora 

Motoniveladora é uma máquina utilizada em obras de construção civil de ampla escala, em conjunto com outros maquinários, principalmente para nivelamento de estradas ou patamares. Consiste em um veículo em geral com 6 rodas, e uma lâmina horizontal ajustável (horizontal, vertical e ângulo) através de braços mecânicos e/ou pistões hidráulicos e engrenagens.
 
Foto: marcos amorim - prefeitura 
O que é o PAC

Criado em 2007, no segundo mandato do presidente Lula (2007-2010), o Programa de Aceleração do Crescimento (PAC) promoveu a retomada do planejamento e execução de grandes obras de infraestrutura social, urbana, logística e energética do país, contribuindo para o seu desenvolvimento acelerado e sustentável.
Pensado como um plano estratégico de resgate do planejamento e de retomada dos investimentos em setores estruturantes do país, o PAC contribuiu de maneira decisiva para o aumento da oferta de empregos e na geração de renda, e elevou o investimento público e privado em obras fundamentais.
Nos seus primeiros quatro anos, o PAC ajudou a dobrar os investimentos públicos brasileiros (de 1,62% do PIB em 2006 para 3,27% em 2010) e ajudou o Brasil a gerar um volume recorde de empregos – 8,2 milhões de postos de trabalho criados no período.
Teve importância fundamental para o país durante a grave crise financeira mundial entre 2008 e 2009, garantindo emprego e renda aos brasileiros, o que por sua vez garantiu a continuidade do consumo de bens e serviços, mantendo ativa a economia e aliviando os efeitos da crise sobre as empresas nacionais.
Em 2011, o PAC entrou na sua segunda fase, com o mesmo pensamento estratégico, aprimorados pelos anos de experiência da fase anterior, mais recursos e mais parcerias com estados e municípios, para a execução de obras estruturantes que possam melhorar a qualidade de vida nas cidades brasileiras.

As informações são do Ministério do Planejamento.